Menu Content/Inhalt
Início arrow Você Sabia? arrow Que as ESPONJAS E OS PANOS DE PRATO são os MAIORES CULPADOS por ...
Que as ESPONJAS E OS PANOS DE PRATO são os MAIORES CULPADOS por ... PDF Print E-mail

Que na sua cozinha os MAIORES CULPADOS por transmissões de DVAs (Doenças Veiculadas por Alimentos) são as “ESPONJAS E OS PANOS DE PRATO”?


É !!!!


As esponjas e os panos de pratos úmidos tornam-se meio de cultura de microorganismos causadores de DVAs.

Na cozinha as bactérias se concentram na pia, no dreno, na esponja e nos panos de prato. Carlos Enriquez, da Universidade do Arizona, desenvolveu pesquisas em todos os materiais da cozinha, desde pias até apoios para abertura de geladeiras, descobrindo pesada contaminação. Esta pesquisa se repetiu por vários dias consecutivos nesses mesmos locais, até que, no sexto dia, observou-se que a maioria dos locais pesquisados se apresentou virtualmente livre de microrganismos, coincidindo com o início do uso de uma nova esponja pela família.

Em novas pesquisas realizadas em New Orleans, Enriquez reportou que em 75 panos de prato e em 325 esponjas de cozinha encontrou um grande número de bactérias virulentas, inclusive Escherichia coli, Salmonella, Pseudomonas e Staphylococcus.

Ao redor da pia, principalmente no ralo, as contagens alcançaram 10.000 bactérias por ml de água. Detectaram 10 milhões de bactérias por ml de líquido em uma esponja torcida.

Estas esponjas se apresentam como um verdadeiro paraíso para bactérias, pois fornecem uma superfície fácil para elas se “agarrarem” e uma provisão farta de nutrientes – restos de alimentos – e umidade.

Comprovadamente se uma esponja for mantida úmida, o número de microrganismos vivos não diminui por 2 semanas. As bactérias podem sobreviver por pelo menos 2 dias em uma esponja que foi seca naturalmente. Em superfícies secas, em geral, as bactérias residentes sobrevivem não mais do que algumas horas; no entanto, é tempo suficientemente longo para infectar outras fontes de alimentos ou mãos de pessoas durante a preparação dos alimentos.

A diversidade e o número de microrganismos encontrados nas residências dependem de fatores relacionados ao ambiente, às condições socioeconômicas e educacionais dos moradores. As casas podem albergar uma população expressiva de microrganismos, principalmente em ambientes úmidos, como cozinhas e banheiros. Endres quantificou a presença de alguns grupos importantes de bactérias como Coliformes Totais (CT), Coliformes Fecais (CF), Staphylococcus aureus, Bactérias Heterotróficas Totais (HT), em pratos lavados com esponjas.

É importante que a esponja e o pano secos não sejam aquecidos no microondas por mais de 30 segundos, para evitar que se incendeiem. Os panos e esponjas devem estar úmidos, pois desta forma as esponjas suportam até 1 minuto, e os panos até 3 minutos de aquecimento no microondas.

Normalmente existem muitos nutrientes restantes em panos de prato ou esponjas para sustentar o crescimento da maioria das bactérias. Se as esponjas e panos de prato são secos após o uso, o crescimento bacteriano é detido. No entanto, a melhor prática é limpar diariamente as esponjas ou panos de prato e utilizar escovas para a lavagem de utensílio de cozinha e pratos. As escovas podem ser enxaguadas facilmente e secas rapidamente.


Dados extraídos de:

Figueiredo, Roberto Martins

As armadilhas de uma cozinha, 2003